2014 in review

Obrigada a todos os leitores, seguidores e comentadores deste blogue. Sem todos vós este blogue já tinha desaparecido!
Que o Novo Ano seja bom para todos. Deixo-vos com a análise de 2014 feita pelo WordPress.
Thanks to all readers, followers and commentators of this blog. Without you this blog was already gone I’m sure!
A Good New Year for everyone. Leaving you with a 2014 review by WordPress.
Até 2015! See you in 2015!

Here’s an excerpt:

The Louvre Museum has 8.5 million visitors per year. This blog was viewed about 90,000 times in 2014. If it were an exhibit at the Louvre Museum, it would take about 4 days for that many people to see it.

Click here to see the complete report.

Notícias / News

Sei que não preciso de me explicar. Mas, ao mesmo tempo acho que devo uma explicação a todos que me acompanham ( e continuam a cá vir) neste blogue.
Tenho feito muito pouco desde que terminamos  o painel do Porto para a Scottish Diaspora Tapestry. Um trabalho maravilhoso!
I know I do not need to explain myself. But, at the same time I think should I an explanation to all of you following this blog.
I have done very little since we finished the panel embroidered in Porto for the Scottish Diaspora Tapestry. Wonderful work!

Andrew Crummer and the two Portuguese panels

Andrew Crummy and the three Portuguese panels

Este ano de 2014 tem sido passado de forma bastante bipolar… ora com más notícias, ora com muito boas coisas a acontecerem, outras assim assim, mais umas mazelas a virem “ao de cima” de vez em quando. Tenho tentado manter o blogue mas, infelizmente, não com bordados.
2014 has been passed as a bipolar way … or bad news, or very good things happening, or old  ills to come “up to” from time to time. I have tried to keep the blog but unfortunately not with embroidery.

Alguns (muitos?) projetos não realizados tais como:

  • escrever um livro de iniciação ao bordado para as minhas netas – só algumas fotos feitas….
  • fazer videos de pontos, em português, para as minhas leitoras portuguesas, claro, e brasileiras que são, em número, tantas como as portuguesas. Até escrevi à Mary Corbet , que logo me avisou que o mais trabalhoso é editar os videos.
  • acabar este bordado.
  • juntar um grupo de pessoas para encontros de bordados periódicos.
  • continuar a publicar dicas sobre as bainhas abertas, que continua a ser o tema mais procurado neste blogue, a par do ponto grilhão e canutilho.
  •  APRENDER ITALIANO!
  • etc.etc.!

This slideshow requires JavaScript.

miscelânea de fotos de 2014 já publicadas
miscellany of 2014 photos already published.

Some (many?) unrealized projects such as:

  • writing a beginner’s guide to embroidery for my granddaughters – just some photos taken ….
  • making stitches videos in Portuguese, for my Portuguese readers, of course!, and Brazilian readers which are so many as Portuguese ones. I even wrote to Mary Corbet, who soon told me the difficult work is to edit the videos.
  • finishing this embroidery.
  • join a group of people to meet for regular embroidery.
  • continue to post tips on drawn threads, which remains the most wanted topic for this blog, along with the palestrine and bullion knot stitches.
  • LEARN ITALIAN! 

and so on!

This slideshow requires JavaScript.

E tanta, tanta coisa para partilhar convosco! E só coisas boas.
Os projetos para 2015 também, já na minha cabeça. Para já o projeto mais imediato é ir para Lisboa, por uns dias – mas não é para passear…  e depois, em Dezembro, vou frequentar este workshop com os We Blog You. E a Pal também vai! Também ela anda ocupadissima com coisas muito diferentes – e está pior que eu: o último artigo é de há um ano!!!!
And so, so much to share with you! And only good things.
The plans for 2015 too, already in my mind.The most immediate project is to go to Lisbon for a couple days. – but it is not to wander … and then, in December, I will attend this workshop at the We Blog You . And Pal is going as well! She’s very busy too with lots of different things – and she’s worse than I: her last post is from a year ago !!!!
Hope to meet you soon!

Espero que até breve!

 

 

Pratos antigos / Antiques dishes

Hoje não são bordados tradicionais Portugueses feitos à mão, mas loiça tradicional Portuguesa pintada à mão.
Today is not traditional handmade Portuguese embroidery,  but traditional hand painted Portuguese ware.

Vou mostrar a coleção de pratos e travessas que usamos todos os Natais, desde há muitos anos. São pratos sem referência a qualquer fabricante. Possivelmente comprados em feiras, loiça de segunda escolha, com defeitos. Algumas pinturas estão um pouco mal.
I’ll show you a collection of plates and dishes that we use every Christmas for many years. Are dishes without reference to any manufacturer. Possibly bought at fairs, second choice dishes with defects. Some paintings are a little bad.

 

This slideshow requires JavaScript.

Adoro estes pratos e, por isso mesmo gosto tanto dos pratos e travessas pintadas à mão da Oficina da Formiga (facebook) e do blogue Oficina da Formiga. Como a fábrica é perto estou a pensar levar lá as minhas netas para verem como se faz a loiça.
I love these dishes and, therefore I like of both hand-painted dishes and platters from Oficina da Formiga  (facebook) and the blog Oficina da Formiga. As the factory is near I’m thinking to go there with my granddaughters and see how dishes are made.
Have a great weekend!
Bom fim de semana a todos!

Scottish Tapestries

Como sabem um grupo de bordadeiras do Porto e outro de Lisboa, este organizado pela Tayari, Borboleta Serrana (tem um blogue, mas atualmente mais presente no facebook), colaboramos na execução de dois paineis portugueses sobre o vinho do Porto, a Scottish Diaspora Tapestry.
A partir desta fantástica experiência e graças ao apoio constante da Margaret Ferguson Burns (que bordou um terceiro painel sobre um Escocês que esteve na Madeira), temos tido constante contacto com as iniciativas históricas escocesas contadas em tapeçarias bordadas. É uma iniciativa fantástica e invejável, que envolve inacreditável número de pessoas desde a conceção à execução final – pesquisa histórica, seleção desta pesquisa, execução dos desenhos – em que Andrew Crummy é uma peça fundamental, em todas as tapeçarias até agora realizadas, pelo que nos é dado perceber.

Andrew Crummer and the two Portuguese panels

Picture by Margaret Ferguson, Andrew Crummy and the three Portuguese panels 

 

 

As you know a group of embroiderers from Porto and another from Lisbon, organized by Tayari this Butterfly Serrana (have a blog, but currently more present in Facebook), collaborated in the execution of two Portuguese panels about the port wine, the Scottish Diaspora Tapestry .
From this amazing experience and thanks to the constant support of Margaret Ferguson Burns (who embroidered a third panel about a Scottish who went to Madeira) , we have been enjoying constant contact with the Scottish historical initiatives told on embroidered tapestries. It is a fantastic and enviable initiative that involves incredible number of people from conception to final execution – historical research, selection of this research, execution of drawings – where Andrew Crummy is a critical piece in all tapestries carried out so far, so the notice is given.

A Borboleta Serrana tem encontrado imensos videos e fotos, sobre várias tapeçarias e tem partilhado no facebook. Todas estas descobertas têm-nos feito um desejo enorme de voarmos até à Escócia, vermos todos os paineis ao vivo e a cores até à exaustão! E depois conversarmos com todos os Escoceses envolvidos nestes projetos. Para aprendermos como tudo isto se organiza e conjuga. Quem sabe? para, por cá, se fazer qualquer coisa do género, mesmo que em ponto mais pequenino…
The Borboleta Serrana has found immense videos and pictures on several tapestries and have shared on Facebook. All these findings have made us a huge desire to fly to Scotland, seeing all panels alive and in colours to exhaustion! And then talk with all Scots involved in these projects. To learn how this is organized and combined. Who knows? to do, here, something like that, even in a tiniest level …

Tudo para dizer que estou a tentar juntar na minha pasta do Pinterest
“Scottish Diaspora Tapestry” and other Scottish Tapestries, videos e outras fotos sobre as tapeçarias Escocesas.
Também para ver fotos fantásticas visitem o blogue da Katie  que escreve em pormenor sobre a exposição de uma das tapeçarias, que visitou recentemente: Kate Davis designs. Tenho a certeza que vão gostar. Boa semana.
All to say that I’m trying to join in my Pinterest board
“Scottish Diaspora Tapestry” and other Scottish Tapestries, videos and other photos on Scottish tapestries. To see fantastic photos also visit Katie’s blog that talks in detail about the exhibition of a tapestry that she recently visited: Kate Davis designs.
I’m sure you will like. Have a good week.

Picture by Kate Davies

Picture by Kate Davies

 

Inspirations magazine!

Há já algum tempo, a Anna Scott, então editora da revista australiana Inspirations, contactou-me a perguntar se queria fazer um pequeno projeto de bordado de Guimarães para publicação na revista. Como calculam fiquei surpreendida com este interesse, do outro lado do mundo, por um trabalho português e feito por mim, eu, je, me, myself???!!!
Vários e-mails depois, muitos mesmo, lá consegui concretizar o projeto. Mas só na segunda metade de 2013! Publicado na revista Inspirations #79 que saiu em Nov. de 2013
Como não sei fazer esquemas, tive que bordar, fotografar e editar dezenas de fotografias e ir enviando para a Austrália, sempre a perguntar se se compreendiam as explicações.
Pedi um desenho original à minha professora de Bordados de Guimarães, que, quem me segue há algum tempo já sabe, é a professora Maria do Céu Freitas. Fez um desenho lindissimo, mas estão lá todos os pontos usados no bordado de Guimarães e com os elementos minúsculos! Mas consegui. Recebi, agora, o pequeno saco tradicional de volta, para, finalmente vos mostrar.
Tenham uma boa semana!.

This slideshow requires JavaScript.

For some time now, Anna Scott, then editor of the Australian Inspirations magazine,  asked if I wanted to do a little project of Guimarães Embroidery  for publication. As you can imagine I was so surprised with this interest from the other side of the world, for a Portuguese work. And done by me, myself, je, me, myself???!!! 
Several emails later, many many, I was able to finish the project on the second half of 2013! Posted in Inspirations Magazine # 79 which came out in Nov. 2013. 
As I don’t know how to do schemes, had to embroider, shoot and edit dozens of photos and send go to Australia, always asking if explanations were  understandable.
My teacher of Embroidery from Guimarães, Maria do Céu Freitas drawn a special design. She did an absolutely beautiful design, with all the stitches used in Guimarães Embroidery but  tiny tiny elements! But I got it. I received my traditional small bag back to finally show to you.
Have a good week.

Douro again!

Rio Douro

Ao fim de 48 horas – convencida que tinha perdido a máquina fotográfica ela apareceu!
– a  carregar o telemóvel, convenci-me que morreu definitivamente!
– e o computador, não se sente nada bem…espero que escape
voltei ao Douro, onde a net é mais lenta, mas aqui vão os progressos do projeto do Galo Louco.
After 48 hours – believing I’ve lost the camera she appeared!
                        – loading my  cellphone, convinced myself it is definitively dead!
                        – and the computer does not feel any better … hopefully escaped so far. 
I’m back to Douro, where the net is slower. Here is my progress of the Galo Louco project.

1 projeto Galo Louco

1 projeto Galo Louco

Os “ós”, “ás” e “erres”são o mais difícil de fazer. Este foi o início – está péssimo.
Letters “o,a,r” are the most difficult to do. This is the beginning – is terrible.

 

2 projeto Galo Louco

2 projeto Galo Louco

Lentamente vou-me aperfeiçoando. Espero.
Slowly I’m  improving. I hope.

3 projeto Galo Louco

3 projeto Galo Louco

4 projeto Galo Louco

4 projeto Galo Louco

5 projeto Galo Louco

5 projeto Galo Louco

Até poder fazer um “ver de perto” (close-up, alguém sabe traduzir?)
Until I can make a close-up.

6 projeto Galo Louco

6 projeto Galo Louco

Tenham um bom domingo! Have a great Sunday!